23
ago
Tutorial – nail art sereia com esmaltes Pausa Para Feminices e batom Jasmine
em: Beleza

Hoje vamos mostrar outra nail art de sereia! 😀

Para essa nail art usei:

  • Esmalte Ariel da Studio 35 – Pausa para Feminices – Vende aqui;
  • Esmalte Mermaid da Studio 35 para Pausa para Feminices – Vende aqui;
  • Esmalte Ondina da Studio 35 para Pausa para Feminices – Vende aqui;
  • Placa de Carimbo BC-04 – Vende aqui;
  • Carimbo Transparente – Vende aqui;
  • Esmalte Passion da China Glaze – Vende aqui;
  • Um pedacinho de esponja de lavar louça;
  • Uma pinça.

Essa nail art não tem nenhum mistério, só esponjar e carimbar, como indicado abaixo. :)

Primeiro esmalte normalmente com o esmalte Ariel:

DSC0009ok-ppf

Pegue um pedacinho bem pequenininho de uma esponja de lavar louça ou uma esponja com “furinhos” mais largos. Segure esse pedacinho com uma pinça. Assim:

DSC0007ok-ppf

Depois é muito simples! Pingue uma gotinha do Mermaid, uma do Ondina e uma do Ariel em uma folha de papel, e vá encostando a esponjinha nas gotinhas e passando na unha delicadamente.

DSC0011ok-ppf

DSC0012ok-ppf

DSC0013ok-ppf

Passe extra-brilho e espere secar bem para poder carimbar. A plaquinha de carimbo usada é a BC-04 e o esmalte Passion da China Glaze.

DSC0017ok-ppf

Escolha um carimbo transparente, que permita ver onde o desenho se posicionará nas unhas.

DSC0019ok-ppf

DSC0024ok-ppf

DSC0025ok-ppf

Após isso, faça a limpeza nas laterais e coloque apenas uma gotinha de extra-brilho nos locais irá colocar uma pedrinha de nail art, para fixar bem ela. Não coloque em toda a unha, porque às vezes o dourado da carimbada se mistura com o pigmento do esmalte e perde um pouco o tom bonito de dourado. Evite colocar extra-brilho quando carimbar com esmalte metálico.

DSC0026ok-ppf

DSC0028ok-ppf

E ficou prontinha a nail art! 😀

DSC0049ok-ppf

DSC0045ok-ppf-683x1024

DSC0021ok-ppf

DSC0014ok-ppf

Com essa técnica dá para fazer muita coisa linda, com outros esmaltes, outras cores. E nem precisa carimbar se não quiser, só o esponjadinho dessa forma já dá um aspecto lindo na unha se souber escolher bem a combinação de cores. :)

DSC0074ok-ppf

O batom Jasmine da coleção Pausa Para Feminices é vendido aqui.

www.penelopeluz.com.br
Instagram: https://instagram.com/penelope_luz/
E-mail: luciana@penelopeluz.com.br
Facebook da marca: https://www.facebook.com/cosmeticospenelopeluz





Bruna Tavares





22
ago
Sereia Iara

Hoje é celebrado o Dia do Folclore, então venho aqui contar a nossa lenda nacional mais forte sobre sereia: a Sereia Iara. 

iara_ellensato01

Na verdade, a história de Iara tem várias versões, afinal ela é contada de boca em boca há anos por todo território brasileiro. Inicialmente, a sereia-índia é originária do Rio Amazonas e seu nome em tupi significa “aquela que mora na água”.

iarasereia

Apesar de apresentar variadas versões, todas tem algo em comum: a de que Iara era uma bela índia que um dia se perdeu na mata, indo parar no rio e se tornando uma sereia graças aos peixes que se encantaram com sua beleza e, assim, a salvaram de um afogamento. O motivo para ela ter se perdido e mergulhado no rio é que variam. Uns contam que ela se escondeu na mata para se esconder de seus irmãos que tinham inveja dela, mas após a capturarem, a jogaram no rio. Outros acreditam que ela se perdeu simplesmente por distração durante uma caçada, e para se esconder das onças, se jogou no rio. Depois que Iara se tornou sereia, ela seguiu sua vida encantando pescadores e índios que ali passavam, usando a sua bela voz. 

iara_ellensato02

Como eu disse, a lenda da Sereia Iara é muito popular e puramente brasileira, ou seja, devemos valoriza-la! Por causa disso, ela também já foi retratada em diversas mídias, como em músicas, poesias, TV e livros. Na maioria delas Iara é dita como uma bela moça de pele morena, traços indígenas e longos cabelos pretos, mas há quem já a tenha descrito como sendo loira de olhos claros – o que eu acho completamente equivocado, afinal ela é uma índia.

Ilustração por Dani Mota

Ilustração por Dani Mota

Sua popularidade entre as crianças pode ser atribuído aos contos de Monteiro Lobato em “O Sítio do Pica-Pau Amarelo” ou as histórias em quadrinhos do Maurício de Sousa.

iara_mauriciodesousa

Na série baseada na obra de Lobato transmitida pela Rede Globo de 2001 a 2007, quatro atrizes interpretaram a sereia em diferentes temporadas: Daniele Valente (2001 e 2003), Ticiane Pinheiro (2002), Lilian Cordeio (2004 e 2005) e Juliana Galvão (2007).

iaras_sitioglobo

Iara também foi mencionada na novela Caminhos do Coração, da Rede Record, interpretada por Suyane Moreira, em 2008.

Para muitos brasileiros, a Iara foi a ponte para a paixão por sereias. É o caso da Bruna, que sempre conta que seu fascínio por sereias é por causa da Iara, quando conheceu sua história e imagem através do Monteiro Lobato ainda criança. Segundo a Bru, o país poderia criar mais séries e filmes sobre o nosso folclore nacional que tanto a fascina. A cultura indígena faz parte da história dela, que pra quem não sabe, é descendente de índios, então a Iara a tocou de uma forma especial e deu início a uma longa história de sua vida, o seu amor por sereias. Tanto que o nome da sereia-índia já serviu de inspiração para a Bru na hora de criar batom, esmalte e até acessório

esmalte-iara-01

Já para mim, quando falam de Iara, lembro de um fato que me ocorreu na época do primário: a escola onde eu estudava fez um passeio para conhecer o Sítio do Pica-Pau Amarelo e eu fiquei ansiosa para conhecer a sereia, porém cheguei atrasada e o ônibus já havia saído. Voltei para casa chorando, frustrada e só pensando que nunca mais teria a chance de conhecer a Sereia Iara, hauahauhaua.

E você? Também tem uma história com a Iara? <3

Em tempo: O blog Colecionador de Sacis fez uma matéria linda e completa sobre a Iara e nela ainda há uma entrevista com a Bruna, Mirella Ferraz e Ellen Sato. Confira clicando aqui, vale a pena!

Fontes: Blog Eu Sou Uma Sereia e As Sereias.

Fotos: Sereia Ellen Sato, que é uma verdadeira Sereia Iara!





Camila Gomes





19
ago
Resenha de livro – Série Teardrop por Lauren Kate
em: Cultura

A série Teardrop é composta por dois livros e um e-book da autora Lauren Kate: Lágrima, Dilúvio e Last Day of Love, sendo os dois primeiros lançados pela Editora Galera em 2013 e 2014, respectivamente. O e-book é apenas um conto digital de 60 páginas que antecede os acontecimentos dos outros livros e não foi lançado no Brasil. A série não fala sobre sereias, mas parte dela é ambientada em Atlântida. Há uns dias perguntei em nossas redes sociais o que vocês achavam sobre uma resenha sobre a série e, como a maioria se interessou, estou aqui para falar dela :)

serieteardrop

A história do primeiro livro, Lágrima, gira em torno de Eureka, uma adolescente problemática que perde sua mãe em um acidente. Depois de receber uma herança curiosa – um livro cheio de códigos, uma pedra misteriosa e um colar – a garota vai em busca de respostas e descobre muito mais sobre seu passado do que gostaria. Ela ainda conta com a ajuda de Ander, um jovem enigmático e apaixonado.

livrolagrima_capa

livrolagrima_contracapa

Já no segundo livro, Dilúvio, muitos dos mistérios são resolvidos, e Eureka se vê em um novo mundo ao lado de alguns entes queridos. Porém, eles tem de enfrentar muitos problemas, sacrifícios e perdas causados pelas lágrimas de Eureka , mas só ela pode salvar todos da destruição.

livrodiluvio_capa

livrodiluvio_contracapa

Ambas as obras são escritas em terceira pessoa e contam com muita ação. Tanta ação que o leitor pode até se perder, especialmente devido aos detalhes que são narrados de forma confusa. A personagem principal passa por episódios extremamente tristes, entretanto não consegue emocionar quem está lendo. Na verdade, na maior parte da leitura eu fiquei bem entediada e achei algumas passagens muito exageradas e surreais.

Onde comprar?

E vocês? Já leram? Conta pra gente o que achou da série :)





Camila Gomes